Roteirista aponta similaridades entre ‘Mulheres de Verdade Tem Curvas’ e ‘Lady Bird – A Hora de Voar’

lady-bird-.jpg

Enquanto o filme ‘Lady Bird – A Hora de Voar’ tem ganhado prêmios e indicações neste começo de ano, e ter sido brevemente o filme mais bem avaliado de todos os tempos no Rotten Tomatoes, há uma pessoa que não está nada contente com isso.

Em uma entrevista ao Hoy Los Angeles, Josefina López disse que ao assistir ‘Lady Bird – A Hora de Voar’ foi como assistir seu próprio filme – Real Women Have Curves/Mulheres de Verdade Tem Curvas (2002).

Eu gostei e em certos momentos eu continuei pensando, ‘Nossa, a mãe é como a mãe do meu filme’, ‘Nossa, eles não vão deixar ela ir a faculdade, como Ana’”, Josefina López disse, a mesma também disse que pensou no filme como uma “versão branca” de Real Women.

Real Women Have Curves/Mulheres de Verdade Tem Curvas conta a história de uma jovem pobre e latina de Sacramento, que tem que lidar com as dificuldades da transição do colégio para faculdade, enquanto explora uma relação frágil com sua mãe.

Josefina López ainda revelou que não foram as similaridades entre os filmes que a aborreceram, e sim a diferença na recepção de ambos. Os responsáveis pelo roteiro falaram especificamente sobre a luta de criar arte com uma mulher indocumentada, e a maneira como as histórias sobre grupos marginalizados são frequentemente colocadas de lado.

Eu também mereço um lugar em Hollywood e a oportunidade de continuar contando histórias impactantes. Eu co-escrevi uma versão melhor de Lady Bird que desafia o status quo’, ela disse, ‘Eu gostaria que meu filme tivesse sido apreciado [do mesmo jeito]”.

Josefina López não foi a primeira a perceber a semelhança entre os filmes. Em novembro de 2017, a INTO publicou um artigo intitulado – If You Liked ‘Lady Bird’, assista ‘Real Women Have Curves’ Right Now”

O jornalista, cineasta e fundador da Define American, Jose Antonio Vargas, questionou em seu Twitter a conexão dos filmes.

Quem escreveu sobre como Lady Bird é a versão da classe trabalhadora branca de Real Women Have Curves, que estreou nos cinemas em 2002? Dois filmes incríveis com atrizes incríveis”.

Lady Bird – A Hora de Voar’ chega aos cinemas brasileiros em 15 de fevereiro.

Gabryelle Bittner, 22 anos, formanda em Psicologia e viciada no mundo de filmes e séries. É uma das idealizadoras do projeto Ladie's Room.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.